Posts Tagged ‘dúvidas comuns’

Qual o preço do aparelho autoligado em relação ao aparelho convencional?

Entenda qual a diferença e porque ela acontece em relação ao aparelho autoligado.

Uma dúvida muito frequente na cabeça de quem vai ter que usar um aparelho ortodôntico é sobre qual modelo escolher. Um aparelho fixo convencional é mais barato se comparado ao preço do aparelho autoligado. Porém, este segundo tipo traz uma série de vantagens.

Neste post vamos trazer algumas informações para que você faça a melhor escolha, tanto do ponto de vista econômico quanto do ponto de vista das vantagens que cada tipo de aparelho traz.

Custo x Benefício

É bastante claro que muitos pacientes vão preferir investir menos e usar um aparelho ortodôntico convencional. E eles não estão errados. O objetivo de alinhamento dos dentes será atingido plenamente.No entanto, que escolhe pagar o preço do aparelho autoligado vai comprar uma série de benefícios que podem valer a pena. A seguir, listamos alguns.

Permite maior movimentação

A ortodontia criou uma tecnologia que permite que o modelo autoligado tenha maior poder de fazer a movimentação necessária para a correção dos problemas dentários. Explicando melhor: ao contrário do que acontece nos aparelhos convencionais, os braquetes autoligados têm um atrito reduzido. Isso possibilita o uso de forças mais suaves para a movimentação desejada, o que traz maior conforto ao paciente que está submetido ao tratamento.

Ele é bem mais estético

Mais uma característica relacionada à tecnologia. Como o aparelho autoligado não precisa das famosas borrachinhas, ele tem um designe bem mais “clean”, bem mais discreto e não vai chamar tanta atenção no dia a dia. É um tratamento aliado da estética e da saúde!

Proporciona mais higiene

Quem já usou um aparelho fixo convencional sabe bem a dificuldade de fazer a mais completa higienização. O aparelho ortodôntico autoligado, justamente pela ausência das borrachinhas, é mais simples e torna a higienização bem mais rápida e simples, evitando assim o aparecimento de cáries ou placas nos dentes.

O tratamento é mais rápido

O modelo autoligado proporciona o tratamento mais rápido do que com o convencional. Este benefício também está ligado à possibilidade de se usar forças diferentes das que o aparelho convencional proporciona. Existem pesquisas que indicam que o tempo de uso do aparelho pode cair até 80% quando se usa o aparelho ortodôntico autoligado em vez do aparelho fixo convencional.

Menos visitas ao dentista

Quando se usa um aparelho convencional, deve-se fazer uma visita mensal de manutenção do aparelho ortodôntico. Já quando o paciente usa o parelho autoligado, as visitas podem ser feitas a cada 60 dias. Este maior espaçamento é possível porque a ligação do braquete com o fio ortodôntico fica ativa por mais tempo. Em outras palavras, o aparelho fica “apertado” por mais tempo que o aparelho convencional, resultado da diminuição do atrito.

Consulte o seu ortodontista para fazer a mais corretas escolha entre um aparelho convencional ou um autoligado. No fim das contas, um tratamento convencional pode sair mais barato, mas se contarmos o total o preço do aparelho autoligado somado ao preço do tratamento (das consultas ao resultado final), essa diferença não será tão grande. A pergunta que você terá que responder é: vale a pena perder os benefícios por esta diferença?

Braquetes autoligados: o que são e como funcionam?

Vamos falar sobre a estrutura do aparelho e como ela pode contribuir para um tratamento mais rápido por meio de braquetes autoligados.

A ortodontia não é um assunto sobre o qual falamos todos os dias com nossos familiares, no nosso trabalho ou mesmo durante um happy hour. Pelo contrário, este é um tema que só vem à tona quando há necessidade.

É quando você ou alguém da sua família vai precisar de um aparelho para alguma correção no aparelho nos dentes. Então surge um termo diferente, daqueles que você nunca ouviu falar. Um exemplo é: o que são braquetes autoligados?

Nesse post, vamos falar um pouco sobre a estrutura de um aparelho e o que são braquetes autoligados.

Estrutura de um aparelho

Todo aparelho ortodôntico é formado por uma série de estruturas. Dentre elas, muitos profissionais podem apontar como a principal delas o braquete. Ele é o ponto na qual é aplicada a força necessária para a correção do problema dental. Também é o responsável pela fixação do aparelho na boca.

Existem dois tipos: os tradicionais e os braquetes autoligados. Os tradicionais são estéticos, feitos de safira ou de cerâmica. Eles são fixados aos dentes com uma resina e ligados entre si por aquelas famosas borrachinhas. Ou ainda por um outro tipo de ligadura elástica.

Já os braquetes autoligados não usam este sistema de ligaduras para se ligar ao fio ortodôntico. Isso porque possuem um sistema interno de clip que é responsável por segurar o fio.

Vantagens da ortodontia autoligada

A estrutura destes braquetes autoligados promove uma redução do atrito na movimentação dentária. O que significa que o tratamento vai demorar um tempo bem menor em comparação a um feito com um aparelho tradicional. Algumas pesquisas apontam que este tempo pode cair em até 80%.

Quem usa aparelhos sabe o trabalhão que dá fazer a higienização correta (e necessária) após cada refeição. A estrutura mais moderna do aparelho autoligado facilita muito este processo.

Outra vantagem é os braquetes tradicionais exigem uma visita de manutenção do aparelho ortodôntico a cada mês. Enquanto o aparelho autoligado permite que estas voltas ao ortodontista sejam feitas a cada dois meses.

Ele pode ser usado em muitos casos, mas é especialmente recomendado em casos nos quais há necessidade de fechamento de espaços (como casos de diastemas ou dentes separados), justamente por causa da sua característica de redução de atrito, o que possibilita um maior deslize dos dentes.

Preço do aparelho autoligado

Neste quesito, o aparelho convencional leva vantagem. Claro que o preço final vai variar dependendo da marca escolhida e o material, desejado (pode ser metálico, de cerâmica ou transparente), mas em geral o preço do aparelho autoligado será um pouco maior.

No entanto, como o tratamento tende a ser mais rápido, com menos visitas de manutenção, o preço final do tratamento pode até valer a pena.

Antes de fazer a escolha por um ou por outro, discuta as vantagens e desvantagens de cada um dos tipos de aparelho ortodôntico com o seu dentista e faça a melhor escolha para o seu caso (e o seu bolso). Lembre-se que você pode até opinar, mas essa decisão é técnica e um profissional de ortodontia avançada deve ter a palavra final nesta escolha.

O tratamento com o aparelho autoligável é mais rápido do que o convencional?

Conheça mais sobre o tratamento com aparelho autoligável.

Quem usa um aparelho dentário tem restrições na alimentação. Passa por alguns momentos bem doloridos. Investe diariamente bons minutos na higienização. E ainda tem que fazer visitas periódicas de manutenção a um profissional de ortodontia avançada para atingir o melhor resultado de seu tratamento.

É muito claro que este paciente deseja um tratamento mais rápido. Mas que ainda sim apresente a mesma eficiência. Isso pode ser alcançado ao se usar um aparelho autoligável. O post de hoje do nosso blog foi pensado para responder a pergunta “O tratamento com o aparelho autoligável é mais rápido do que o convencional?”. E a resposta é sim!

Por que ele é mais rápido?

O aparelho fixo tradicional conta com aquelas famosas borrachinhas que prendem o arco ao braquete. Já o aparelho autoligável dispensa a necessidade destas mesmas borrachinhas. Isso porque os braquetes funcionam como se fossem presilhas que fixam o arco, impedindo que eles se movimentem.

Por não contar com as borrachinhas, a ortodontia autoligada descobriu uma maneira de, com menos atrito, manter a força desejada mais estável. Por isso reduz tanto o tempo do tratamento, quanto a necessidade de visitas ao profissional especializado. Em geral,  quando se usa um aparelho autoligável, essas visitas devem ser feitas a cada 60 dias.

Segundo pesquisas, o tempo de tratamento pode ser até 80% menor com o uso da tecnologia autoligável.

4 casos em que o aparelho autoligado é mais recomendado

1 – Existe uma outra e importante vantagem do aparelho autoligável em comparação ao modelo convencional: ele permite uma maior expansão da arcada dentária, por isso é altamente recomendável quando este é o objetivo que se quer atingir. Imagine um indivíduo que tem uma arcada muito pequena e, por isso, os dentes estão apinhados. Se for usado um aparelho que não consegue ampliar essa arcada o suficiente, pode ser necessária a extração de um dente. Um aparelho que permita maior expansão é certamente um grande ganho neste tipo de tratamento.

2 – A mordida cruzada é um tipo de formação dentária em que os dentes se entrelaçam no ato de morder e pode causar dificuldades na fala e na mastigação. Quem tem este tipo de formação precisa de um reposicionamento dos dentes e o aparelho autoligável é perfeito para esta função.

3 – Mordida aberta – É quando falta contato entre os dentes superiores e inferiores no momento da mordida. O problema é em geral causado por hábitos inadequados na infância, como chupar o dedo, a chupeta e os lábios. Se a solução da mordida aberta for o reposicionamento dos dentes, o aparelho autoligável é bastante indicado para isso.

4 – Dentes que nascem fora do lugar – Nossa dentição é um sistema bastante exato. Cada dente tem um formato e está posicionado de forma a exercer uma função específica neste conjunto. Mas e se o dente nasceu em uma posição em que não deveria estar? Este problema é conhecido como transposição dentária e pode ser corrigido com o uso de um aparelho.

Até a próxima!!!

O aparelho ortodôntico autoligado diminui a necessidade de extração de dentes?

Conheça a resposta para essa e outras dúvidas em torno do uso de aparelho ortodôntico.

É inegável que o aparelho ortodôntico autoligável traz vantagens substanciais quando comparado com um aparelho ortodôntico fixo convencional. Ele possibilita um tratamento mais rápido, com menos visitas de manutenção, é mais confortável e tem um visual mais discreto.

Muita gente ao visitar o consultório da doutora Luciana Pupo em Sorocaba faz perguntas sobre mais uma suposta vantagem deste tipo de aparelho: ele diminui necessidade de extração de dentes?

Maior expansão, menos extrações

As pessoas, em geral, desconhecem as tecnologias envolvidas na ortodontia autoligada. Por isso, não sabem quais são os benefícios e os sacrifícios que quem se submete a um tratamento. Existem mitos e verdades que se não forem bem explicados podem até assustar um paciente que, pode acabar não se submetendo a um tratamento que traz benefícios para a sua vida.

A primeira verdade a ser afirmada aqui é: sim, um aparelho ortodôntico autoligável reduz a necessidade de extração de dentes! O sistema adotado torna possível as maiores expansões na arcada dentária em comparação ao método convencional. Exatamente por causa desta maior possibilidade de expansão, a necessidade de uma extração de dentes para criar espaços na arcada passa a ser muito menor. No entanto, em alguns casos, essa retirada pode ser necessária e isso será decidido pelo ortodontista de acordo com o caso de cada paciente.

Agora que você conhece uma verdade sobre os aparelhos autoligáveis, vamos conhecer mitos e verdades sobre o aparelho ortodôntico.

Mito! Aparelhos ortodônticos são todos iguais

Existem vários tipos de problemas que requerem o uso de um aparelho ortodôntico. E, é lógico, este aparelho será diferente se ele tem como objetivo um problema diferente. Um expansor palatino móvel, por exemplo, é muito diferente de um aparelho ortodôntico autoligável, já que têm objetivos bem diferentes.

Mito! Quem usa aparelho deve abolir diversos alimentos de sua dieta.

Na verdade, não há alimentos terminantemente proibidos. No entanto, é preciso cuidados na alimentação. Por exemplo, alimentos duros podem descolar o braquete do aparelho e por isso devem ser mastigados com cuidado. Por outro lado, os alimentos pegajosos dificultam a limpeza do aparelho e também inspiram cuidados.

Mito! Aparelho estético autoligado é menos eficiente

Um aparelho estético autoligado tem como característica uma baixa fricção entre os arcos ortodônticos e braquetes. A diminuição da resistência inicial à movimentação facilita o início do movimento dentário. Tudo isso faz abre a possibilidade de tratamentos mais rápidos e menos dolorosos para o paciente, sem nenhuma perda de eficácia.

Verdade! Aparelho ortodôntico autoligável vale a pena

Para encerrar este post, uma verdade! Os aparelhos autoligados apresentam uma maior eficiência em relação aos convencionais nas fases de alinhamento e nivelamento dos dentes. Isso acontece porque eles permitem que a movimentação seja mais ampla em um espaço de tempo menor.

Por isso, problemas como dentes desalinhados, mordidas cruzadas, nascimento de dentes fora do lugar entre outros são bastante recomendados para esse tipo de aparelho.

Entre em contato conosco para saber mais e agende uma consulta com o consultório da doutora Luciana Pupo e conheça a excelência em ortodontia avançada.

Até a próxima!!!

Fio dental x aparelho dental: veja como contornar a dificuldade!

Como utilizar o fio dental para fazer limpeza do aparelho dental!

Muito se fala sobre a dificuldade de usar o fio dental quando se tem um aparelho dental, por outro lado, a tarefa não é tão simples, mas é necessária para manter a higienização perfeita do aparelho dental.

Também é preciso de um pouco de paciência, por outro lado, com treino, você verá que é bem mais simples do que se pensava.

Basta se adaptar ao aparelho e compreender a técnica correta de limpeza com o fio dental.

Por que é tão importante?

Antes de mais nada, a estrutura do aparelho pode ficar com resíduos e precisa ser removido, caso isso não ocorra, os restos, em especial os que contém açucares, favorecem o aparecimento de cáries.

Além disso quando estamos falando de higienização estamos falando igualmente da escovação correta e do uso de  enxaguante bucal.

A principio, seguir todos os passos da boa higienização é cuidar da saúde da sua boca.

Certamente, é o investimento destes minutos preciosos que são necessários para manter o sorriso bem lindo!

Qual é o tipo de fio dental mais adequado?

Quem usa aparelho dental sabe que passar o fio dental pode levar até o dobro de tempo em relação a uma pessoa que não tem o aparelho. É preciso cuidado com cada dente, cada vão, e isso realmente vai realmente tomar algum tempo.

Se você usar um fio dental não encerado, pode ser que solte fiapos após o contato com os braquetes e arcos, por esse motivo, busque sempre uma opção entre os fios dentais encerados no mercado.

E quando o fio dental é usado por crianças com aparelho?

Neste caso é muito difícil exigir que elas façam este trabalho sozinhas. Papai e mamãe terão que colocar a mão na massa para ajudar os pequenos.

Sente-se em um local muito bem iluminado, na mesma altura da boca de seu filho, e faça todo o processo com calma.

Uma boa música ou aquele desenho favorito do seu filho na TV podem ajudar bastante nesta hora!

O passa fio ortodôntico funciona bem?  

Sim, o passa fio funciona bem, é barato e será uma ferramenta importante para te ajudar a passar o fio dental. Você pode passar o fio por entre o aparelho e alcançar espaços que seriam muito difíceis de serem alcançados.

Não tenha medo de expor as suas dúvidas

Em hipótese alguma deixe de expor qualquer uma das suas dúvidas a um profissional de ortodontia. Existem mitos e verdades sobre o aparelho ortodôntico e é natural que quem o usa, tenha muitas dúvidas na cabeça.

Qual escova usar para não comprometer a saúde dos dentes?

Quais são os cuidados com a alimentação que devemos tomar quando usamos um aparelho dental? Nosso blog vai abordar todas estas dúvidas e você está convidado para continuar navegando por aqui.

Enfim, converse com a nossa equipe e marque consulta em Sorocaba no consultório da doutora Luciana Pupo.

Até a próxima!

O uso do aparelho dentário durante a gravidez é permitido?

Gestantes e o uso do aparelho dentário.

Essa é uma pergunta recorrente aos profissionais de ortodontia, existe alguma contraindicação para o uso de aparelho dentário por gestante?

A resposta é, pode ser utilizado normalmente durante a gravidez, porém, alguns cuidados são necessários pois o nível de hormônios favorece as inflamações de gengivas.

Vamos entender melhor!

Ocorrem mudanças na boca da futura mamãe durante a gravidez?

Toda  mulher sofre algumas mudanças no nível de hormônios durante a gravidez, e com a boca não é diferente.

Existe um mito de que a mulher perder dentes durante a gravidez, mas não é sustentado por nenhum estudo. Outro mito é o de que a mulher perde cálcio porque o organismo o direciona para a formação dos ossos do bebê. Isso também não é verdadeiro!

O que pode ocorrer são inflamações, principalmente de gengiva. Esta inflamação é conhecida como gengivite gravídica.

Gengivite gravídica

Este é o nome da inflamação aguda da gengiva vivida por mulheres durante a gravidez.

É preciso intensificar os cuidados com a limpeza, como o uso do fio dental, escova de dentes e com os enxaguastes bucais, sempre seguindo as recomendações do dentista ou do ortodontista.

Estes cuidados levam em conta outras ferramentas para a limpeza de qualquer tipos de aparelho ortodôntico, como escovas interdentais, fios dentais ortodônticos, aparelhos de jato de água ou até um fio dental elétrico.

Manutenção do aparelho dentário sempre!

O primeiro ponto é redobrar os cuidados em casa, mas é sempre uma ótima ideia consultar o profissional de ortodontia responsável pela manutenção do aparelho dentário.

É importante deixar a manutenção em dia! Além disso, não são necessárias grandes mudanças no cuidado que a grávida já tem com os dentes.

 Retomando: cuide muito bem da limpeza dos dentes, do aparelho dentário e visite o seu dentista para fazer a manutenção deste aparelho.

Estas regras valem para qualquer tipo de aparelho ortodôntico?

Sim, não importa se a gestante usa um aparelho fixo, ortodôntico autoligado ou mesmo um lingual. Manter a boa higienização e as visitas ao ortodontista são regras básicas para qualquer pessoa, não somente as grávidas.

Se você quer saber mais, faça um diagnóstico completo em Sorocaba na clínica da doutora Luciana Pupo.

Acompanhe o nosso blog, vem aí muitas informações sobre tratamentos dentários e saúde bucal.

Até a próxima!!!

Contato

Comece e termine seu dia com um sorriso!

Horário de Atendimento Telefônico

Seg a Sexta: 9h as 12h e das 13:30h as 17h
15 3011-1925 / 15 3233-8164

Av. Washington Luís, 1222 sala 08 - Sorocaba - SP

contato@lucianapupo.com.br